CORREDOR DA INOVAÇÃO

A 3ª edição do CAIITE ocorreu entre os dias 20 e 25 de junho deste ano.
Durante a ralizalção deste evento existe o Corredor da Inovação, um espaço onde as Instituições apresentam suas pesquisas e inovações mais recentes. A cada dia de Congresso, é exposto um projeto diferente. Os Professores Orientadores, junto com os estudantes, repassam as informações numa conversa clara e agradável ao público. A estratégica pedagógica aqui é proporcionar aos estudantes os desdobramentos de inovações em seus trabalhos de pesquisa.
Os pesquisadores do IFAL que desenvolvem projetos (pesquisa, inovação ou extensão), que têm caráter inovador, serão avaliados em relação ao caráter de ineditismo, potencial de mercado bem como aplicação prática voltada à solução de algum problema.

Proposta para Gestão de Projetos de Desenvolvimento Tecnológico para o IFAL

logo do corredor da inovação
O NIT tem por finalidade estimular a pesquisa na área de inovação tecnológica e promover a adequada proteção das invenções geradas no âmbito do Instituto federal de Alagoas (IFAL) e sua transferência ao setor produtivo.

foto do marcelo com seu aluno ycaro no corredor da inovação

Professor Marcelo de Assis (de branco) e o estudante Ycaro Santos. Docente alerta que vivemos uma revolução do sistema elétrico e que é preciso encontrar outros meios para geração de energia.

Na abertura do Caiite 2015, na segunda-feira (15), Assis, em companhia do estudante do curso técnico integrado ao ensino médio em Eletrotécnica, Ycaro Santos, levou para o Corredor da Inovação o protótipo de um aparelho que tem como função avaliar o potencial eólico para microgeração de energia em edificações urbanas. “O aparelho deve ser colocado nas bordas dos edifícios para analisar se é, de fato, viável instalar um sistema que capte e utilize a energia produzida pelo vento ao entrar em contato com os prédios”, esclarece o pesquisador.

A geração de energia obtida com essa fonte não tem capacidade para suprir as demandas de uma cidade, explica Assis, mas pode contribuir para atenuar os altos gastos de condomínio residencial, por exemplo.

“Toda e qualquer possibilidade de aproveitamento de energia deve ser considerada, para segurança do sistema elétrico do país e também para a satisfação do consumidor”, conclui.

Outro trabalho apresentado foi o Sistema de Hidroponia Automatizado, em que se utiliza energia solar, com sistema de rastreamento do sol, para manter o ciclo de água do processo.

foto do sistema hidroponico solar
Vizualizações
CORREDOR DA INOVAÇÃO
Ecolabore
Acione aqui para abrir o balão do assistente.